Secretarias e Órgãos

Acesso Rápido

Do que você precisa?
Telefones úteis

Redes Sociais

Página Inicial
Projeto apoiado pela Funcap desenvolve estampa de couro PDF Imprimir E-mail
Seg, 09 de Janeiro de 2017 06:45

A empresa cearense CCF, do engenheiro químico Cândido Couto, desenvolveu um método que permite a impressão de estampas em couro. O processo, similar à sublimação (serigrafia) em tecidos, permite a impressão de qualquer desenho no material e é inovador, de acordo com Cândido,  porque garante a manutenção das cores no couro sem perda de intensidade. 

Como é orgânico, o couro natural tem características próximas às da pele, ou seja, é permeável e absorve substâncias colocadas na sua superfície. Para resolver o problema, o engenheiro desenvolveu uma técnica que envolve resina de poliéster. A proporção com a qual ela é aplicada sobre o couro e o método de fixação foram os resultados do seu projeto de inovação, que recebeu o apoio da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap) através do edital Inovafit.

Cand2

Segundo Cândido, são inúmeras as possibilidades de aplicações das estampas de couro: roupas, bolsas, sapatos e quadros religiosos são alguns dos objetos já desenvolvidos em sua empresa. Além disso, a técnica pode ser usada em qualquer tipo de couro animal com os mesmos resultados.

Cand1O projeto de estampar o couro veio da observação do processo de serigrafia. “Eu vi que os tecidos que recebem a sublimação são à base de poliéster. Então me veio a ideia de colocar poliéster no couro”, explica o empresário. A primeira fase foi a aplicação de uma resina de poliéster no material. Depois, o maior desafio: fixar a resina de modo que ela própria não fosse absorvida pelo couro. O trabalho levou meses de experiências e tentativas até achar a proporção certa de resina para garantir a fixação sem causar problemas ao couro pelas altas temperaturas usadas no processo.

O principal objetivo da empresa, agora, é desenvolver a automação do processo de estampa de couro, para possibilitar a produção em escala. Um dos focos é o mercado externo - já existem até contatos iniciais com uma grande indústria mundial do setor de moda. “A inovação é uma das melhores saídas para enfrentar as dificuldades econômicas”, afirma Cândido, ressaltando que a busca por alternativas é uma prática corrente da sua empresa. 

Ele lembra que foi o desenvolvedor de outros dois métodos de aproveitamento de materiais de baixo custo com potencial para a indústria: o uso do couro de peixe e o chamado jeans de couro.

 

Calendário

Janeiro 2017
D 2a 3a 4a 5a 6a S
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31 1 2 3 4